Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei Jorge Kishikawa




Retornar para últimas postagens

    17-out-2012

    Gashuku Rio 4 - Exortar


    "Muito obrigado por ter nos presenteado com as novidades nos kamaes surpreendestes de kenjutsu !
    Sensei em muitas ocasiões penso que não temos como retribuir sua atenção dada em função de< sua extenuante dedicação ao NITEN. O que vou lhe dizer Sensei talvez já tenha escutado de outros alunos:
    Quando cheguei ao NITEN buscava o conhecimento da luta, pois comecei com o judô pequeno ainda com meu pai! Mas agora repito o que já falei para Sanpais:
    Depois de burro velho fui sacudido para enxergar melhor a vida. Assim, depois desse aprendizado no NITEN comecei a enxergar como estar mais bem preparado para encarar a GUERRA DO COTIDIANO! Fui criado em um ninho de águias e achava que os kanjis de HONRA, LEALDADE, COMPAIXÃO fossem o natural na vida em sociedade. Contudo apanhei muito com decepções.
    Aproveitei as lições aprendidas aqui no NITEN para deixar de apanhar tanto! Assim, agradeço profundamente com a certeza que nunca poderei retribuir a altura!
    Domo arigato gozaimashita por mais um domingo de aprendizado.
    " Stefam - Unidade Rio de Janeiro
     


     

     

    "Foi uma imensa honra participar do último Gashuku aqui no Rio de Janeiro, confesso que houve uma mudança interior de profunda alegria e liberdade durante esta semana, não conseguiria aqui expressar a alegria e a sensação que estou vivendo desde domingo, O Kiai durante o Gashuku invadiu meu espírito de uma maneira tão especial que ao meu ver parece que o Budô lapidou meu corpo, mente e espírito, realmente um prazer, que não sentia desde minha juventude, naquele momento esqueci as dores e dificuldades, e a energia que emanava numa esfera tão positiva e harmoniosa me fazia superar qualquer desafio no Dojô. Gostaria de manifestar minha gratidão pela presença do Sensei, a qual foi de grande valor espiritual e moral, em relação a tudo que foi ensinado e transmitido com muita clareza e humildade. " Edson - Unidade Tijuca









    "Sensei, foi o meu primeiro Gashuku que se eu pudesse escrever ou traduzir com palavras o que eu senti naquele dia eu acho que nem conseguiria... mas eu consegui resumir no fim do dia o que aprendi com o Sensei: SIMPLICIDADE.
    No falar, no andar, na hora de ensinar, e de exortar ????????? a todos..."  
    Vilma - Unidade Botafogo




     


     



     

    "E por último, os momento de ouro, depois do iaijutsu, sobre o sentimento da nihon-to (katana) e sobre ser insuperável no bushido. Creio que os dois devem estar intimamente relacionados, e agora vejo que os dois são imprescindíveis tanto para a nossa evolução técnica tanto para a nossa evolução como pessoas.Como o Sensei disse, o sentimento da nihon-to de tentar atingir sempre a perfeição, pagando seus erros com sangue me faz pensar em todas as coisas que faço no meu dia-a-dia que deveria ser levadas com esse sentimento..."  Aretakis - Unidade Rio de Janeiro

     




    topo

    (+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-18h
    (+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h