Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei


Últimas postagens:

23-ago-2013

20Anos - Vídeo da História do Niten










"Para executar grandes coisas é preciso viver como se nunca fosse morrer "- Marques de Vauvernagues

Apesar de ser um tanto contraditório ao espírito do Hagakure, que adoto desde a minha infância, não posso negar a importância que teve Vauvernagues para chegarmos aos 20 anos do Niten.
Hoje, como prometido, deixo o vídeo que foi exibido durante o Ato Solene no início das comemorações com a retrospectiva destes 20 anos de Niten.
Você verá fotos antigas, colegas mais jovens (sem cabelos brancos ou com cabelos) e lugares que marcaram uma época.
Bons tempos. Todos eles, cada qual à sua maneira. Rindo ou chorando, todos aprendemos muito.
- Saudades? - perguntarão-me alguns.
- Algumas vezes sim, algumas não. Faz parte da vida.- responderei.
Mas o que realmente importa é que crescemos. No tamanho e no espírito. E chegamos até aqui.
-Okagesama - digo eu. Não fui eu que consegui. Foi uma força maior que me fez conseguir. Uma força que me fez conseguir viver como se nunca fosse morrer.
Sou um homem de sorte: tenho uma força maior que me acompanha e vocês que me acreditam.
Arigato.





 

22-ago-2013

20Anos Um Sonho Real

"Ao ver o Sensei entrar no Hokkaido na sexta, pensei comigo mesmo como o Sensei deveria estar feliz. Cada vez que podia observar o Sensei eu enxergava um brilho forte no olhar.
Quando o Sensei falou na assembleia que "atualmente podia afirmar que era uma pessoa feliz", confirmei definitivamente minha constatação. Também ficou marcado a frase que o Sensei disse "Parece um sonho isso, ver chegar todo esse pessoal de todos os cantos".
Se me permitirem acrescentar o comentário, eu diria que foi um sonho de verdade! Reunir tanta gente com o mesmo objetivo, todos frutos da compaixão do Sensei em levar a espada que dá a vida para todos os lugares possíveis."
- Mendes (Unidade Caxias do Sul)




"Desde que supe en el 2012 que se realizaría un evento en conmemoración de los 20 años de Niten decidí viajar a San Pablo para poder participar. La espera se hizo larga, y el evento, a pesar de presentar un detallado cronograma de entrenamiento, demostraciones, confraternizaciones y otras actividades, que lo hacían ver cómo días inacabables, fue demasiado corto. Los tres días que estuve en Brasil pasaron volando. Antes de que pudiera darme cuenta ya me encontraba en el avión de regreso a mi casa con una sensación de nostalgia sobre el tiempo compartido con sensei, senpais y kohais. Fue una experiencia inmemoriable. Es difícil hallar palabras para describirla. Aún así, hay mucho que decir, que contar." - Daiana (Unidade Buenos Aires)




"O pessoal costuma dizer que levo jeito com as palavras.
Mas frente ao que foi o evento dos 20 anos, e o que é o Niten, fico com medo de escrever ou falar qualquer coisa.
A mente deve estar suficientemente aberta para compreender, para aceitar e perceber, que é como tentar descrever o céu, o mar, as estrelas e toda grandiosidade do universo. Teremos uma breve ideia, mas não há vocabulário suficiente para explicitar. Mesmo assim, tentarei arriscar.
Uma coisa o Sensei falou, que marcou muito, e tentarei - me perdoe a pretensão - decifrar. Afinal depois de conviver mais de dez anos com o Mestre, começa-se a ter maior sensibilidade.
"Esses três dias passaram rápido. Esses vinte anos passaram rápido" disse o Sensei à mesa, no Jantar. Isso me incomodava, como os Koans que tentamos decifrar nos mosteiros.
Na verdade, a visão do Sensei transcende o tempo e o espaço. Então futuro e passado convergem para o momento presente, o agora. Por isso a sensação de que tudo é tão rápido.
As sementes (a visão e o sonho do Sensei) são plantadas em solo fértil (tradição) e regadas por águas cristalinas (Bushido). O plantio é bem cuidado (trabalho árduo - treino) mas contempla a colheita de bons frutos (discípulos forjados no bem) que alimentarão a todos os que precisam (humanidade) para que alimentados e fortalecidos, possam viver melhor (pela espada que dá vida). E assim, nesse ciclo magnífico, se perpetua a vida por anos e anos.

Quanto ao evento em si, foi lindo.
Sinto que perdi parte dele, mas fico feliz de ver o brilho nos olhos do pessoal de Ribeirão que conseguiu ir desde sexta feira. Cada olhar sincero me gratifica. Sábado foi intenso. Eu trabalhando e recebendo mensagens das lutas por celular, ver que o Bruno conseguiu classificar e que todos fizeram boas lutas comprovou que estamos absorvendo os ensinamentos do Sensei. Depois o jantar, as apresentações de Domingo, e os combates: rapidez, precisão, garra, estratégia, energia e muito além - respeito!

Sensei, que venham os próximos anos, e que eu tenha a sorte de estar por perto, para melhorar a cada dia como ser humano, e dividir essa melhoria com todos aqueles que nos cercam, podendo transformar o mundo num lugar um pouco melhor.

Sayonará. Arigato Gozaimashitá" - Donegá (Unidade Ribeirão Preto)





"Já no primeiro dia, ao chegar no Hokkaido, senti-me muito feliz em poder ver o Dojo tão cheio!
No início, pela quantidade de pessoas, cheguei a pensar que não conseguiríamos treinar todos, mas após alguns ajustes os movimentos começaram a fluir. O espaço não foi obstáculo!"
-Simonassi (Unidade Vitoria)







"Na sexta feira, dia de início das comemorações dos vinte anos, fui a Câmara dos Deputados para a cerimônia solene. Fiquei verdadeiramente emocionado com os vídeos exibidos que reproduziam fidedignamente o espírito do Bushidô."-Paiva (Unidade Nikkyoji)

"Na sexta-feira após o evento solene, enquanto voltávamos para os alojamentos, eu estava no carro com mais 3 alunos mais novos que eu em tempo de Niten, e os 3 estavam conversando bastante sobre o evento do qual acabávamos de sair, eu havia ficado muito emocionado com o evento, confesso que não consegui conter as lagrimas, mas quando ouvi a emoção com que meus companheiros mais novos de treino estavam descrevendo suas impressões do que eles haviam visto e ouvido eu percebi que já estava feito, eles entenderam os sentimentos e valores que o Niten nos passa e isso me passou um sentimento de alegria indescritível que apenas se compara com minha emoção ao ver o sorriso do Sensei durante o evento, sorriso de orgulho diante de 20 anos de trabalho muito bem feito."- Guerrero (Unidade Ribeirão Preto)


Amanhã colocarei aqui no Café, o tal vídeo que fez muitos derramarem lagrimas.
Prepare-se!

21-ago-2013

20Anos Homenagens na Assembleia


Saiu hoje no Jornal Nippak a matéria que fala sobre a alegria e empolgação contagiante do Niten, que toda a nossa comunidade nipo-brasileira pôde testemunhar.
É claro que, longe ser uma religião, a disciplina e respeito do Niten, virtudes tão enfatizadas e arrisco a dizer, enraizada ao longo dos anos e em cada um dos alunos, despertou a admiração por parte de todos os que, mesmo não sendo alunos, são simpatizantes do Niten.
Não é por menos, porque é a primeira vez que pelo menos 250 alunos reunidos, recitaram os mandamentos do Hagakure em japonês arcaico. É a primeira vez também que o hino do Niten foi cantado em toda a sua intensidade. É a primeira vez que a família Niten estava toda feliz. Imagine uma grande família feliz!
Todo este evento maravilhoso não teria sido possível se não fosse a iniciativa de todos os nossos alunos e o apoio da comunidade nipo-brasileira, a quem agradecer, seria pouco.
Estiveram lá, além das autoridades citadas nesta matéria: Exmo. Gen. Obara, Exmo. Cel. Kiyono, Exmo.Cel. Endo, Exmo Del.Dr. Mauricio Lemos Freire, Dep. Hatiro Shimomoto, Sr. Elison Tompson (presidente da Associaçao Ikebana do Brasil), Sr, Mario Udo (presidente da Associaçao Nikkey do Brasil), Prof. Douglas Vieira (medalha prata de judo em Los Angeles), entre vários outros colegas e quem dirijo meus agradecimentos.
Ao consulado japonês, representado pelo Exmo. Cônsul Hiroaki Sano e à Associação de Chado Urasenke do Brasil, mestre Soke Hayashi, sentimo-nos honrados pela calorosas palavras enviadas ao nosso Ato Solene na Assembleia Legislativa de São Paulo.
Não posso deixar de mencionar a Homenagem prestada pela Câmara dos Deputados de Brasília: foi-me entregue pelo nosso irmão do Niten Dep. Walter Iihoshi. Guardo com muito carinho a lembrança de meu aluno Reinaldo, seu irmão "que voltava sempre feliz para a casa , após os treinamentos no Niten".
Como bem descrita na matéria, nossa meta não será nada modesta nos próximos anos. Leia:



Clique na matéria para ampliar


20-ago-2013

20Anos Evento Marcante




INSTITUTO CULTURAL NITEN EM EVENTO MARCANTE

20 anos de Fundação

O Instituto Cultural Niten (presidente Jorge Kishikawa), comemora hoje dia 16, em São Paulo, a partir das 19hs, o Ato Solene em Comemoração aos 20 Anos de Fundação.

O Instituto foi fundada pelo Sr. Kishikawa em 1993 com o intuito de transmitir a tradição nipônica dos samurais.

Atualmente conta com aproximadamente 800 alunos em mais de 40 locais de treinamento. Alunos do Brasil, Argentina, Chile, Uruguai, México e Portugal treinam intensamente.

O evento partiu da iniciativa do deputado estadual Jooji Hato e ex deputado federal Wiliam Woo. Serão homenageadas pela Assembleia Legislativa, personalidades e entidades que tem contribuido para o Instituto Niten.

- A difusão foi possível graças aos esforços que temos recebido por parte de todos.  Doravante, nos esforçaremos mais e mais. - foram as palavras do Sr. Kishikawa .

Também serão realizadas demonstrações e eventos comemorativos nos dias 17 e 18 a partir das 9hs no Jardim Japonês  do Ibirapuera e na Associação Hokkaido.

19-ago-2013

20Anos Jornal Nikkey Português 15/Ago





Clique para ler a matéria completa


Como mencionada na matéria, "as desconfianças" ficaram lá atrás.

Tomando a carta de um aluno que está em minha mão: 

"Vinte anos se passaram desde o momento em que se criou o que para muitos (inclusive eu) foi um novo começo. Para o Sensei, tempo de jogar-se no Vazio. Tentar transmitir o conhecimento que vem do passado de uma nova forma. Transgredir o que era aceito".

A realidade é que as tradições de 700 anos estão desaparecendo e o Kenjutsu com bogu é a adaptação das tradições para os tempos atuais.
Foi necessário "transgredir o que era aceito"para que a tradição não se apagasse.
A chama continua acesa.

16-ago-2013

20Anos Ibirapuera

Amanhã nas comemorações dos 20 anos
Estaremos no Parque do Ibirapuera para uma aula aberta
Todos amigos do Instituto Cultural Niten, sejam bem vindos!

13-ago-2013

20Anos Fotos 7



















12-ago-2013

20Anos Fotos 6





















09-ago-2013

Dia dos Pais: Tragédia X Troféu


Esta semana foi uma semana em que o 4°  voto do Niten teve o seu grande momento para ser refletido: bomba atômica de Hiroshima e Nagasaki.
Depois de amanhã será o Dia dos Pais, momento de reflexão do nosso 3° voto.
E, para a semana que vem, momento para colocar em prática  o 2° voto: comemorar junto ao mestre os 20 anos de nossa fundação.
Antes de eu desejar a todos um Feliz Dia dos Pais, deixo aqui um email que recebi ontem:



"SHITSUREI SHIMASSU SENSEI,
KONNICHIWÁ

Uma impressão sobre o MOMENTO DE OURO de ontem (quarta feira)
O filhinho do SENSEI estava chorando no NARABÊ (perfilar) após o treino. Havia cortado o pé (e eu vi que era um corte grande) durante o combate. Mesmo assim, SENSEI o chamou pra cantar lá na frente, como fazia em alguns Momentos de Ouro. O menino não hesitou. Enquanto cantava, os soluços diminuíam.

- Mais alto! Disse o SENSEI e a voz foi melhorando. Somente depois de superar o problema é que o SENSEI agradou e elogiou o filho.

Hoje há muitos que acham que o mundo deve parar para cuidar dos seus problemas. Quem treina com o SENSEI, sabe que não. Porque o SENSEI traz o jeito SAMUARI de pensar:

“Eu caí, me machuquei, mas o mundo não parou de girar. Não adianta nada ficar chorando” é o mundo dos SAMURAIS, mundo do Japão. Do Japão que recuperou-se extraordinariamente das enchentes e não ficou se lamentando. Do Japão que não fica esperando compensações porque sofreu a bomba atômica no dia 6 de agosto. Dia que lembra meu falecido pai, porque ele nasceu nesse dia.

Por falar em pai, ARIGATÔ GOZAIMASHITÁ ao filho do SENSEI por dividir o pai dele comigo, afinal todo pai é um pouco Mestre.
E nesse próximo dia dos pais eu não estarei de todo, sem um pai para agradecer.

ARIGATÔ GOZAIMASHITÁ SENSEI,
SAYOUNARÁ

João Paulo - Unidade Vila Mariana


 


 

Felizmente, o acidente não teve sérias consequências e isto agradeço do fundo do meu coração.
Algumas vezes, como pais, temos que ser fortes o suficiente para construir um espírito perseverante em nossos filhos, e é isto que moldará o futuro espírito guerreiro deles (se assim desejarmos, obviamente).
Acredito que ontem, consegui erguer um tijolo, aumentar a auto-estima e fazer de uma "tragédia", um "troféu" para o meu filho.

Que todos os pais sejam verdadeiramente felizes neste domingo!




06-ago-2013

Mokuto...

Neste mês em que comemoramos os 20 anos de fundação do Instituto Niten, não posso deixar de falar de minha satisfação.
Hoje, dia 06 de agosto há 68 anos, às 8 e 15 de manhã, quando os adultos iam ao trabalho e as crianças à escola, saltava o Little Boy, o mais terrível monstro de todos os tempos para aniquilar nada menos que 250.000 seres humanos em Hiroshima.
Fogo, incêndio, cadáveres, sofrimento, dor e morte era o cenário cujas vítimas perambulavam como mortos vivos pelo inferno e, as poucas que sobreviveram, sofrem até hoje os efeitos químicos de Little Boy.
Domingo, dia dos Pais. Dia para se celebrar para aqueles que ainda tem o seu, dia para cultuar para os que já se foram. Mas não nos esqueçamos, ou melhor, lembremos, procuremos entender, sentir aquela tristeza daqueles milhares que, em meio ao inferno, se tornaram órfãos pelo destino.
Mas, porque satisfação?
Na última sexta, falei aos jovens do Niten que desde os primórdios de sua fundação, o Niten tem levado o ato de solidariedade a todos os que precisavam. Isto porque temos o nosso 4º lema, o qual recitamos em todas aulas, está calcado a obrigação (não só o sentimento) de fazer manifestar dentro de nossos corações o "jihi". O primeiro ato solidário, foi o de encher um caminhão inteiro de mantimentos para a casa de leprosos em Belo Horizonte. Depois veio a doação de 25.000 litros de leite às crianças desnutridas em Fortaleza, e assim por diante, sendo que o último foi na casa Hope, das crianças carentes com câncer.
Nestes 20 anos, ter passado aos meus 14.000 alunos e os mais de 100.000 simpatizantes, os horrores da guerra e o sentimento de "jihi", a compaixão que devemos ter com todos os seres.
Pode ser pouco, mas estou contente.
Pode ser pouco, mas é o que pudemos fazer até agora e por isto a minha satisfação.
Tenho certeza que o Caminho é por aí e continuaremos levando o "jihi"a todos os povos e às próximas gerações.
Agora, às vítimas vamos fazer um minuto de silêncio.
Mokuto..........



Esse Garoto em Nagasaki, trouxe seu irmão morto à pira de cremação e aguarda em posição de sentido sua vez de dar o adeus final.




topo

(+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-18h
(+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h