Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei


Últimas postagens:

08-mar-2012

Gashuku Buenos Aires 2 - Kenjutsu enche o estômago!

Peço a sua compreensão para assisitir novamente  o vídeo de ontem (CS 07-mar-2012 Gashuku Argentina 1 - Dias azulados) pois está diferente.
Na verdade, este vídeo exibe alguns dos alunos que resolveram fazer um treino livre de kenjutsu combate por livre e espontanêa vontade.
Treinam com garra, boa técnica (para 6° e 5° kyu) e também não posso deixar de citar: respeitando-se mutuamente.
Sem violência.
E pasme: foi durante a 01 hora do almoço.
O kenjutsu é mais gostoso que encher o estômago!

"Como começar? Minha primeira impressão com o cronograma estaria esgotada (começando com bogu das 9hs até as 12hs)
fui errada! Ao contrário  desde alguns meses que não desfrutava tanto praticar kenjutsu e se o Sensei não tivesse dito " Yame" haveria seguido por muito mais, o que me surpreendeu a mim mesma, que minha resistência se havia incrementado tanto. Ter a oportunidade de treinar com Sensei é algo que não tem preço e espero novamente a honra de fazer-lo.

Que mais dizer? Acreditava que ia lamentar que o tempo aplicado ao Shindo Muso Ryu Jojutsu e o Suyo Ryu Iaijutsu fosse tão curto, já que pratico as 3 modalidades e aprecio especialmente a treinar os katas (ainda haveria gostado que fosse mais) porque voltaríamos a ter kenjutsu ao final, porém na verdade apreciei muito o Shiai e observar a arbitragem, pelo que vejo foi o melhor cronograma possível com o tempo que tínhamos.
Se houve algo inesperado no Gashuku para mim, foi que Sensei considerara que meu nível de Jojutsu era muito bom para ser iniciante.
Apenas o levo praticando desde um ano.
Terei que esforçar-me mais para superar este nível  e voltar a surpreender Sensei.

A energia  que fluiu no dojo de Recoleta neste dia foi incrível, foi revigorante, animada e divertida. Era justo o que eu necessitava.
Fazia tempo que não me divertia tanto, que não ria tanto.
Os Momentos de Ouro durante o jantar debaixo das estrelas foram maravilhosos. Foram muito calorosos. Se não havia rido o suficiente
ainda voltei a fazer-lo.
Recordo que por temor de esquecer as lições que Sensei compartilhava com nós, com os ensinamentos que implicavam,
corri aos meus cadernos e as anotei, não foi necessário porque ainda recordo e não creio que vou esquecer-las!
Domo arigato gozaimashita Sensei
Domo Arigato Gozaimashita mina san por haverem participado do Gashuku e haver compartilhado vossa energia comigo! "

Enysha (Unidade Buenos Aires) (Tradução livre)



"Cómo empezar? Mi primera impresión con  el cronograma fue que para el mediodía estaría agotada (empezando con bogu a las 9:30 am hasta las 12am), fue errada. ¡Al contrario! Desde hace meses que no disfrutaba tanto practicar Kenjutsu y si Sensei no hubiera dicho “yame” hubiera seguido por mucho más, lo que me sorprendió a mí misma, que mi resistencia se haya incrementado tanto. Tener la oportunidad de entrenar con Sensei es algo       que no tiene precio y espero pronto tener nuevamente el honor de hacerlo.

¿Qué más decir? Creía que iba a lamentar que el tiempo aplicado a Shindo Muso Ryu (jojutsu) y a Suyo Ryu (Iaijutsu)  fuese tan poco, ya que practico las tres modalidades y disfruto especialmente entrenar los katas (aún me hubiera gustado que fuese más), porque volvíamos a tener kenjutsu al final, pero la verdad, disfruté mucho el shiai y observar el arbitraje por lo que creo que fue el mejor cronograma posible con el tiempo que teníamos.
Si hubo algo inesperado en el gashuku para mí, fue que Sensei considerara que mi nivel de jojutsu era muy bueno para ser iniciante. Apenas lo llevo practicando desde hace un año. Tendré que esforzarme más para superar ese nivel y volver a sorprender a sensei.
La energía que fluyó en el dojo de Recolecta ese día fue increíble, fue vigorizante, animosa y divertida. Era justo lo que necesitaba. Hace tiempo que no me divertía tanto, que no reía tanto.

Los Momentos de Oro durante la cena bajo las estrellas fueron maravillosos, fueron muy cálidos. Si no había reído suficiente aún, volví a hacerlo. Recuerdo que por temor a olvidar las expresiones en japonés que Sensei compartía con nosotros, con la enseñanza que implicaban, corrí por mi libreta y las anoté; no fue necesario ¡porque aún las recuerdo y no creo que vaya a olvidarlas!
Domo arigato gozaimashita Sensei!
Domo arigato gozaimashita mina-san por haber participado del gashuku y haber compartido vuestra energía conmigo! "

Enysha (Unidad Buenos Aires) (original)
 


Preparación para el combate



Arriba!!!



Mire!



Guerreras



Mira al dedo...



Hace tiempo no riamos tanto (Fazia tempo que não ria tanto)

 


 

07-mar-2012

Gashuku Argentina 1 - Dias azulados

Não me lembro, desde que nasci , de ter visto um céu totalmente límpido, sem uma única nuvem por, pasme, 03 dias consecutivos!
Pois foi assim em Buenos Aires, quando lá estive, neste final de semana.
Desde que fui lá por diversas vezes desde o início de nossas atividades, e isto já se fazem sete anos, sempre havia alguma nuvem, alguma chuva, ou um friozinho para "incomodar" os meus planos.
Volto de Buenos Aires maravilhado e satisfeito, não só pelo céu, pela temperatura agradável, pelas estrelas e a lua que foram um espetáculo, mas também pela dedicação de todos os presentes no Gashuku em todos os momentos .
Foram três dias azulados e impares que nunca esquecerei-os em minha vida.
Gracias a todos.

"Arigatou gozamashita  pro todo lo que trajo O Sensei en este Gashuko.
Los los entrenamientos de Kenjutsu, Iai, Jo, arbitraje y los momentos de oro. Fue espectacular.
Todo lo que O Sensei hablo en los momentos de oro en esa terraza fue enriquesedor. Refleccionar sobre lo breve de da vida y responder muchas preguntas que yo tenia del sobre el inicio y de como con ese compromiso que O Sensei tomo, consiguió hacer hacer de Niten una escuela de importancias internancional. No tiene precio.
Me hubiera gustado haber grabado lo que O Sensei hablo. Para mi fue un momento histórico en mi camino. Quien no estuvo se lo perdio, y en esta vida que dura lo que demora el agua en hervir, es una perdida lamentable.
Domo arigatou gozamashita O Sensei por todo. Espero ver a pronto a O Sensei."

Basilio (Unidade Buenos Aires) (original)


"Arigato gozaimashita por tudo o que o Sensei trouxe -nos neste Gashuku.
O treinamento de Kenjutsu, Iai, Jo, arbitragem e os Momentos de Ouro. Foi espetacular.
Tudo o que O Sensei falou nos Momentos de Ouro na varanda naquela noite estrelada foi enriquecedor, reflexionar sobre a efemeridade da vida e responder a muitas perguntas que eu tinha sobre o início e de como esse compromisso que O Sensei  conseguiu fazer do Niten uma escola de importância internacional, não têm preço.
Teria gostado ter gravado tudo o que O Sensei falou. Para mim, foi um momento histórico em meu caminho. Quem não esteve, se o perdeu, e nesta vida que dura o que demora a água em ferver, é uma perda mais que lamentável.
Domo arigatou gozamashita O Sensei por tudo. Espero ver a O Sensei em breve. "

Basilio (Unidade Buenos Aires) (Tradução Livre)
 


Chegando ao aeroporto Aeroparque


Os Argentinos peleiam (lutam) com vontade

06-mar-2012

Kenjutsu - Kodachi Tsuki









 

29-fev-2012

Kamae novo Nito

"Na terça passada, 07/02, quando do treino pela manhã com o Sensei, pude conhecer o kamae (postura de combate) de Nito (duas espadas) que o Sensei criou. No encontro de Coordenadores em Brotas, o Sensei havia mostrado e feito comentários sobre o mesmo. E realmente, a kodachi(espada menor) esta invisível.

Não enxergava, quando via, já era tarde... geralmente já estava praticamente no meu men (cranio).

Foi emocionante poder enfrentar algo tão novo.

Arigatou gozaimashita Sensei! Principalmente pelas orientações no combate."

Danilo (Unidade Campinas)


O termo "criou"me incomoda um pouco, mas se formos direto ao ponto, pode ser dito dessa forma.
Musashi Sensei (MIyamoto Musashi) nos fala em seu Mizu no Maki (pergaminho da Água), sobre o Uko Muko no Oshie no Koto. Ou seja, o ensinamento sobre a Existência do Kamae e a Não Existência do Kamae. Em poucas palavras, sintetiza a essência do Kenjutsu combate, este resgate das técnicas de combate samurai que estou me dedicando em faze-lo (CS 13-09-2011 - Resgate1).
Após 4 décadas de treinamento em combate descobri a eficacia deste Kamae. Com a ajuda dos deuses e de Buda, como sempre, este tipo de descoberta ocorre, meio que "sem querer" durante o combate. Um insight e vem a palavra de um samurai ou a frase vinda de um sábio.

Não posso afirmar que se trata de um Kamae invencível, mas que está dando trabalho para muitos é inegável.
Bem, mas voltando ao ponto: criei. Pois não há referencias sobre este tipo de Kamae até então.
Criar ou descobrir. Não importa: está no Hidensho (CS 02-02-12 Hidensho)

28-fev-2012

Kiyonaga Tadanao

Recebi este email do Rio de Janeiro:

"Konnichiwá Sensei, Yoroshiku-onegaishimasu!

Achei muito interessante o Café: “Niten no Túnel do Tempo!” (CS 27-fev-2012 - Niten no Túnel do Tempo)
Na minha infindável busca e ainda, apesar da idade,  sem uma convicção religiosa firme, porém muito aberto a todos os Caminhos, acredito na Teoria da Reencarnação.

E assim, continuo procurando entender o significado da vida!

Por isso achei muito oportuno o artigo e penso sinceramente, que Sensei tem razão e que, provavelmente, vários Samurais estão se encontrando no Niten, “reencarnados”.

Afinal, deve existir uma razão Maior para estarmos juntos e unidos neste Caminho, sob a orientação do Sensei (onegaishimasu, uma Missão!?).

Shitsureishimasu, por incomodar o Sensei com meus questionamentos interiores, mas achei muito sigificativa a sua abordagem.

Domo arigatô gozaimashita."

Impieri (Unidade Rio de Janeiro)


Se todos estão aqui no Niten buscando as raízes no passado (mesmo que estranhamente aos olhos de alguns), é porque muito provavelmente tenha havido alguma conexão com tais elementos.
O mestre Kiyonaga Tadanao, soke do Niten Ichi Ryu da 11ª geração, era também monge budista. Ele costumava referir, após vigorosos e árduos treinamentos, que o nosso encontro já teria ocorrido há muitos séculos atrás e que agora o nosso reencontro pedia por uma grande missão: a de perpetuar o Verdadeiro NIten Ichi Ryu .
Infelizmente, Kiyonaga Soke faleceu poucos meses antes vir ao Brasil (2005), de maneira que, desde então, carrego para mim a responsabilidade de continuar esta grande missão.
Carrego na lembrança momentos felizes com Kiyonaga Soke: treinos pesados, ofurôs e cervejas.
Quanto a razão Maior, como foi elucidado, acredito que existe sim: a Missão de resgatarmos as técnicas perdidas do passado.



Com Kiyonaga Soke


 

27-fev-2012

Niten no Túnel do Tempo

Penso no que aconteceria se eu e meus alunos pudéssemos entrar no túnel do tempo e fossemos para o seculo XV, XVI ou qualquer época em que samurais existiam. 
Primeiro; decerto, achariam que não descendentes seriam os "bárbaros do sul" no meio de japoneses. Muito estranho a primeira vista. 
Segundo; no momento em que os alunos "bárbaros do sul" executassem os katas antigos, tão bem como eles executavam, ficariam desnorteados, achando que seria obra do "capeta". Perigo: iminência de uma guerra. 
Terceiro; antes que sacassem suas espadas e explicar-lhes que voltamos ao túnel do tempo vindo da terra mais distante (e inimaginável para todos naquela época), a situação estaria resolvida, sem combates, sem batalhas. Alívio e Paz. Nascimento de uma nova amizade. 
Então brindaríamos com um sake e muita cerveja para celebrar este encontro fantástico selando esta grande amizade. 
Quem sabe, se não é isto o que realmente esta acontecendo: samurais vindos de varias encarnações reunidos no Niten hoje???...


15-fev-2012

Naginata Tsuki







topo

(+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-18h
(+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h