Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei Jorge Kishikawa


Últimas postagens:

31-mar-2009

53° Prêmio Paulista

Era uma vez um moço que vinha de ônibus, na madrugada de sexta, para treinar comigo no sábado já cedinho, as 07 horas. Uma viagem de 8 horas desde Juiz de Fora. Isto há 15 anos, nos primeiros dias da fundação do Niten.
Medico recém formado, discreto e esforçado, destacava-se no seu aprendizado o quesito meticulosidade, em tudo o que fazia.
Por motivos da profissão, acabou se afastando e, por alguns anos, fiquei sem saber de seu paradeiro.
Um dia, os deuses ordenaram o seu regresso.
Menos de uma semana antes de iniciarmos as atividades na Unidade Brasilia, onde e quando o Niten começava do zero, sem nenhum contato ou alguém para contar, ei-lo: o moço, que agora já não era tão moço, mas já pai de família (3 filhos) exercendo cargos de responsabilidade nos hospitais em Brasília.
Foi com o seu inestimável apoio e de sua família (sua esposa e seus filhos praticam assiduamente) que o Niten deu o pontapé inicial para iniciar a sua segunda etapa em território brasileiro. E é com ele que o Niten marca sua belíssima atuação no Centro-Oeste.
Seu nome: coordenador Ricardo Lopes
Recebe hoje, o Prêmio Paulista de Esportes, evento que tem o apoio do Governo do Estado de São Paulo e a Prefeitura de São Paulo
O local: SESC Vila Mariana.
Os deuses não pagam semanalmente, mas pagam.


Os indicados para o 53° Prêmio Paulista. Em destaque, o coordenador Ricardo Lopes.

30-mar-2009

Após a tormenta, a bonança

Eu sei.
Se voce não foi (27mar - Seguir em Frente), deve estar se perguntando como foi lá neste fim de semana.
Não vou enumerar tudo o que aconteceu, mas pode ter a certeza que muita coisa aconteceu.
Sou suspeito para falar, e por esta razão, deixemos que os colegas transmitam os seus sentimentos destes dias, mais uma vez, inesquecíveis.
 

"Apesar do ritmo puxado, desde sexta-feira, deitei em minha cama neste domingo à noite, percebendo que seria uma das melhores noites de descanso da minha vida, pois a sensação de cansaço que veio da intensividade do treinamento soou como recompensa pelo esforço feito.

Sem falar, ainda, nas lições apreendidas nos “Momentos de Ouro”, posso dizer, sem sombra de dúvidas que este Gashuku, ficará para sempre na minha memória, como dias de treinamento árduo, mas também de muito aprendizado dos katas do Bushido, das técnicas de combate e principalmente de garra e perseverança necessárias para vencer na vida.
"

Após a tormenta, a bonança.
Eles merecem!


bonança 1


bonança 2

27-mar-2009

''Seguir em Frente''

Hoje começa o Gashuku, o treino intensivo.
Hora de apertarmos os nós de nossas armaduras. Sacudir o pó acumulado nos nossos espíritos.
Há poucas horas antes de iniciar o Gashuku (24mar - Autodidata...), acabei de ver, neste instante os vídeos que foram enviados no Egan.
Por sinal, imagens inspiradoras para quem ainda não acabou o seu Natal, Ano Novo, Carnaval e o monte de desculpas...
Bem, ao vídeo "Seguir em Frente" sera acrescentado legendas, pois "pegaram" o monitor Morais tão exausto que quase não foi possível entender o que ele fala. Aguarde.
E, para refletirmos, deixo aqui um pensamento dos antigos:
"Os homens são como tapetes; às vezes precisam ser sacudidos".
Então, até a noite.

27-fev-2009

Arraia

"Steve Irwin, o famoso "Caçador de Crocodilos", conhecido por procurar alguns dos animais mais perigosos que existem e lidar com eles, morreu no dia 4 de setembro de 2006 em um acidente chocante com uma arraia. Seis semanas depois, uma arraia pulou em um barco pesqueiro na Flórida e atingiu James Bertakis, de 81 anos, no peito." - Julia Layton

Em um Carnaval passado, foi o peixe lanterna (21fev2007 - Peixe Lanterna).
Desta vez, foi a arraia.
E assim, a cada Carnaval, o caminho para se tornar imbatível se torna mais próximo e tangível.
 


arraia touro australiana, a que matou Steve Irwin

26-fev-2009

Naginata na quarta de cinzas

Retorno do Carnaval e abro a minha caixa postal.
Encontro esta de minha aluna:
 

"Esta quarta-feira de cinzas, dia 25/02, foi repleta de novos e antigos ensinamentos, tanto em termos de combate e estratégia, quanto de reflexões sobre a crise financeira que o mundo vive.
O sorriso estampado no rosto do Sensei é retribuído pela aluna, ao proferir "onegaishimasu".
O Sensei estava com a naginata inclinada para baixo, com sua lâmina apontada ao lado esquerdo de seu oponente.
Do outro lado, jodan. O tempo de um breve instante e a naginata atinge o 'do'.
Novamente a naginata volta à sua posição anterior, e escolhe a oponente o hasso como kamae.
Um 'uchigote' é dado quando a aluna tentou atacar o 'men' do Sensei.
Insistiu no hasso, dessa vez visando o 'do'. De maneira ágil esquivou-se do 'do' e acertou em cheio o 'men'.
Escolheu como kamae o migi chudan, e tentou um 'kote', porém a naginata, 'enrolou' a shinai, desviando esta de seu curso, e então, com o cabo, veio um 'tsuki', seguido de um 'men'.
Sorrisos estampados nos rostos de ambos, durante e ao final do embate, encerrando-se com o "arigato gozaimashita", mas apenas iniciando o momento de reflexão sobre estratégia em combate para aquela aluna
"

25-fev-2009

Em viagem

O Sensei está em Viagem

20-fev-2009

Oportunidade

"Em momentos de crises: financeiras e pessoais, muitos reclamam que não tiveram ou perderam oportunidades. Não é isso que ocorre. Se acomodam e mais nada parece dar certo. Oportunidade, uma palavra muito usada, mas cujo verdadeiro significado poucos conhecem, nos traz conhecimento e nos faz crescer. No treino de ontem tive a oportunidade, pela primeira vez de treinar com bogu* e duas espadas. Difícil, emocionante e inesquecível."

Foram as palavras de minha aluna, após a aula de kenjutsu de anteontem na Unidade Ana Rosa.
Muitas vezes perdemos os olhos para as oportunidades por buscarmos:
o mais fácil, por sermos preguiçosos;
o mais barato, por sermos avarentos;
o mais cômodo, por sermos covardes;
de modo que nunca obteremos conhecimento, nem tampouco crescimento no decorrer de nossas vidas.
Na semana que vem nos Momentos de Ouro, falaremos sobre "manter a classe" em época de crise.
O Carnaval? Aproveite!
Taí: uma boa "oportunidade"!


*bogu= equipamento de proteção

luta com duas espadas

19-fev-2009

O Perigo Japonês

Destaco, a título de curiosidade, trecho interessante de um livro da década de 40 (me foi enviado por um coordenador):
 

"Nenhum mal maior se podia fazer ao Brasil do que esse de permitir aqui a infiltração de um povo inassimilável, fisicamente inferior, moralmente diferente do nosso, instrumento passivo de uma política imperalista qua se ensaiva, através da nossa boa-fé, não contra o nosso país, mas também contra todo o continente americano."


Com essa frase, o jornalista e memorista da cidade do Rio de Janeiro Vivaldo Coaracy iniciava o prefácio do livro "O perigo japonês", lançado em 1942.

Hoje, ao contrário de nossos antecessores, podemos ler, refletir e até rir, assim como rimos de muitos momentos duros do passado.
O que quero lhe dizer é que, em meio a tantas informações a disposição, temos que estar atentos aos nossos julgamentos, para não chegarmos a conclusões equivocadas, uma vez que toda trilha selvagem é passível de ser bloqueada (16fev - Pensamentos do Mestre Baba 5).

imigração japonesa
Livro A Imigração Japonesa, uma saga de 100 anos, de João G. Machado e Oscar D'Ambrosio

18-fev-2009

Comercial da Nike

Em 2004, feitas as primeiras colocações formais que se deve ter em qualquer livro, iniciei as primeiras páginas do Shin Hagakure(pág. 36) assim:

"Se você tem tempo para ler e escrever em blogs ou fóruns, vá treinar, que está faltando treino"
a partir daí desenvolvo toda a citação deste tema.

Neste mês de fevereiro de 2009 um aluno me enviou este link: um comercial da Nike que está "bombando" no youtube:



Acho que vou me candidatar ao Chelsea!

17-fev-2009

4 males

Nesta semana, estou falando dos 4 males universais que residem em todos os seres humanos.
Independente de idade, sexo ou etnia. E até religião.
Uma vez instalados, estes males só tendem a complicar a sua vida (mais do que já está).
Não escapamos a nenhum deles, pois em algum momento de nossas vidas eles aparecem sorrateiramente.
O que fazer, então...
Isto a gente conversa nos Momentos de Ouro desta semana.





topo

(+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-18h
(+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h